sábado, 19 de agosto de 2017

Oração




Oração
Reserve para mim
Um pouco de ti
Já ficarei feliz

Me de também a sua mão
Olhe-me direto nos meus olhos
Ouça meus pensamentos
Me aceite como um dos seus rebanhos
Eu sei que me perdi
Más quem não se perde
Em frente de tantos caminhos
Como eu poderia saber
-Aonde esses caminhos iriam me levar
Também sei que vai me perdoar
Pois também me deste o livre arbitro
Para que eu experimentasse de tudo um pouco
E finalmente escolhesse o caminho correto
Se eu errei suplico que me perdoe
Mas foi assim que eu aprendi
E consegui chegar mais perto de ti
Sim eu havia me perdido
Eu segui tantos caminhos
Mais eu sei que foi também necessário
Para aprender o que é amor compaixão caridade
Para engrandecer fortalecer o meu espírito
E agora só falta você abrir as portas do seu coração
Para me deixar entrar
E descansar nos seus braços
Meu pai!
Cláudio Domingos Borges.

sexta-feira, 18 de agosto de 2017

Sou um dos seus filhos...




Sou um dos seus filhos...
Do seu ventre da sua fonte,
Sou nascido dessa magia...
Do vento, fogo, terra, ar, da água...
Minha alma escuta tua fala,
Teu canto e viaja nos teus encantos...
Meus arfar vacila nos ramos...
Minha visão se perde nas cores do arco Iris...
Embebo-me com o perfume puro das flores...
Minha mente brinca nos campos,
Se junta com as aves e os animais...
No seu verde eu descanso,
E canto a sua canção...
Um encanto o realejo dessa floresta...
Terra em festa no meu coração...
Viajando nos seus rios e mares...
Desbravo, bebo e me alimento 
Do seu néctar, lindo coração...
Vivo nas tuas colinas, suas cavernas...
E de dentro de você
Vejo a minha luz minha vida...
É onde fico e vejo tudo renascer...
Cláudio Domingos Borges

quinta-feira, 17 de agosto de 2017

Terra minha vida...




Terra minha vida...
Terra, vida...
Mãe querida...
Frutos, prazer e alegria,
Beleza, fortaleza, és realeza...
Sou um dos seus filhos...
Do seu ventre da sua fonte,
Sou nascido dessa magia...
Do vento, fogo, terra, ar, da água...
Minha alma escuta tua fala,
Teu canto e viaja nos teus encantos...
Meus arfar vacila nos ramos...
Minha visão se perde nas cores do arco Iris...
Embebo-me com o perfume puro das flores...
Minha mente brinca nos campos,
Se junta com as aves e os animais...
No seu verde eu descanso,
E canto a sua canção...
Um encanto o realejo dessa floresta...
Terra em festa no meu coração...
Viajando nos seus rios e mares...
Desbravo, bebo e me alimento 
Do seu néctar, lindo coração...
Vivo nas tuas colinas, suas cavernas...
E de dentro de você
Vejo a minha luz minha vida...
É onde fico e vejo tudo renascer...
Cláudio Domingos Borges

quarta-feira, 16 de agosto de 2017

Um novo dia...


Um novo dia...
Os bons ventos sopram...
as estrelas no céu comprazem,
os sonhos inauditos de amor...
bem merece o meu coração...

Nunca foi a procura,
e sim a ruptura de tudo,
a liberdade que me levou
e me trouxe até você...

Não uma luz que acendi
e sim a alma que reacendeu,
dizendo adeus, dando visão e lugar
para um novo horizonte brilhar...

Foi na hora do desapego,
que a mente acordou, ouviu,
e viu sentiu toda a verdade...
Quando escutei a sua linda voz
que entoava como canção...
e lindos versos de amor...

Onde a beleza de um novo dia
e uma nova vida nasceu...
Cláudio Domingos Borges

terça-feira, 15 de agosto de 2017

Como vai?


Como vai?
Você já viu
Parou para apreciar
Um beija flor sugando o néctar

De uma flor...


Uma borboleta voando...
Já notou as cores do arco-íris...
Já se encontrou em silêncio
E sem perceber estava a contemplar a natureza
...E como se estivesse deslumbrado apaixonado
Perdia-se diante de tanta beleza...

Você já se emocionou com um dia lindo
Num amanhecer vendo o por do sol
E escutou os pássaros cantando...

Já deu vontade de escrever uma poesia...
O seu coração já esteve transbordando de paixão
De inspiração pedindo que explanasse os seus sentimentos 
Necessitando jorrar em emoções de amor
O que estava sentindo...

Já esteve com vontade de chorar
Aflito com o mundo...

E às vezes sem notar
Procede naturalmente
Se doando com amor...
...Como se fosse normal ajudar o próximo...
Então parabéns a você
Já adquiriu consciência...
Já aprendeu a amar...

Cláudio Domingos Borges

segunda-feira, 14 de agosto de 2017

O amor dos pais



O amor dos pais
Momentos
de pais e filhos,
são únicos,
e ficam nas lembranças...
A verdadeira amizade,
o carinho e o amor...
Cuidados e amor,
geram a fé, a coragem,
deixando-os jogarem-se,
nos braços dos pais,
com a certeza
que serão amparados...
A lealdade e a honestidade:
exemplos de justiça,
e integridade para com todos...
A bondade e o respeito:
são lições de amor,
incentiva a caridade,
educando sentimentos,
para se ter um coração bondoso...
O exemplo no trabalho,
ensina que a labuta enriquece,
e dignifica o ser humano...
A calma e a benevolência,
inspira a ternura, a compreensão...
A espiritualidade é um bem eterno,
que enriquecerá a alma de seus filhos,
fazendo os meditar, deixando os mais livres...
As lições de amor são as mais importantes,
que os pais podem deixar como heranças.
São lições imortais...
Cláudio Domingos Borges